Bem, muito bem

Esses tempos, acho que na Copa, vi um goleiro falando que uma das receitas para pegar pênalti é saber que o jogador na maioria das vezes bate cruzado, principalmente quando é forte. Forte, e portanto, com menos direção. Não faço idéia se o Saja tem esse tipo de técnica ou não, mas ele fez a defesa desse jeito ontem. E uma baita defesa. Mas vamos combinar que um centroavante não pode bater daquela maneira. E muito menos depois dizer que bateu bem. “Creio que bati bem e que foi mérito do goleiro ter defendido”, diz César Ramírez, El Tigre, admitindo também que os paraguaios não jogaram nada.

A cotação dos vizinhos para os jogadores foi a seguinte:

Cerro: Navarro (6), Alvarez (7), R. Costa (6), Pérez (5) e Nuñez (4); Brítez (4) – Giménez (5), Gonzáles (5), Salcedo (5) e Morinigo (4) – Godoy (6); Ramírez (5) e Da Silva (5).

Grêmio: Saja (8), Patrício (5), Schiavi (6), William (6) e Teco (5); Lucas (8), Edmílson (6), D. Souza (7) e Tcheco (5); C. Eduardo (5) – Ramón (5) e Douglas (5).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: