Archive for janeiro \16\UTC 2012

2012 #2 – 09/15 de janeiro

janeiro 16, 2012

FILMES

O Vencedor
Histórias reais pouco conhecidas têm essa vantagem, de você não saber o final da história de antemão. No caso d´O Vencedor, faz diferença, porque o diretor não se deixa levar por todos os clichês, então não dá pra realmente saber até que ponto é uma história sobre vencer ou perder. E claro, apesar de um bom elenco, o filme é todo do Christian Bale, que só não está mais magro do que naquele O Maquinista.

10 Coisas que Odeio em Você
Um filme de 1999 que pelo visto todo mundo já tinha assistido, menos eu. Fácil entender porque parece ser tão “querido” por quem já tinha visto. A história é bonitinha e o elenco principal tem carisma. Além disso, é uma produção que consegue equilibrar umas boas tiradas para quem é adolescente ao mesmo tempo que não ultrapassa nenhum limite que poderia chocar os pais dos mesmo. A cena do Heath Ledger cantando nas arquibancadas para a Julia Stiles é “fofa”.

Se Beber, Não Case 2
À primeira vista, Se Beber, Não Case era um daqueles filmes legais, engaçados e sem nenhum gancho para uma sequência, porque a história era específica demais pr´aquela situação. Mas rendeu horrores. E aí não precisa muito para os estúdios imaginarem um deixa nova, mesmo que meio absurda. E lá se vão piadas quase iguais a do primeiro filme. Mas quer saber? É engraçado de novo. Meio que me lembra a relação dos dois primeiros Esqueceram de Mim. Ambos são bons, mas o primeiro é lembrado justamente porque foi o primeiro. E na boa, “blablabla, who cares?”.

TV

Fringe – S04E08 – Back to Where You´ve Never Been
Fringe já deu tantas voltas, com tantos mundos paralelos, que a cada episódio eu penso se eu tô entendendo ou se me perdi – ainda mais quando é o primeiro episódio depois de uma parada longa. Mas depois de uma suruba de mundos inicial, depois me achei. E aí Fringe vai lá e faz uma das coisas que melhor sabe: lança mais perguntas e te deixa curioso para ver o episódio seguinte.

The Big Bang Theory – S05E12 – The Shiny Trinket Maneuver
O Sheldon é engraçado, o Leonard idem. Mas o meu ídolo é o Howard, não adianta. De resto, o Sheldon se embebedando no Red Dead Redemption. Não preciso mais nada para achar o episódio muito bom.

Two and a Half Men – S09E13 – Slowly and in a Circular Fashion
Muito bem, nada de macacos. Assim que se faz. Essa temporada eu tô acompanhado desde o início, mas de resto eu só via episódios esporádicos, fora a primeira, que vi toda. Sendo assim não sei se é uma impressão minha ou se as piadas sempre foram meio “baixaria” – deixando claro que isso não é necessariamente ruim. De mais, vendo a Mimi Rogers de mãe do Ashton Kutcher, me lembrei que o Tom Cruise era CASADO com ela. Ah, o tempo…

11/9: Em Solo Americano
Sim, é um lance meio TOC, mas eu vejo tudo relacionado ao 11/9. Sendo assim, ainda não deu tempo de ver todos os especiais que passaram em setembro, então vamos aos poucos. Esse é centrado no relatório feito (só depois de muita pressão das famílias dos mortos) que mostra que no fundo o(s) governo(s) dos EUA sabiam de uma ameaça iminente. Inclusive que ela poderia acontecer exatamente do jeito que aconteceu. Eu acho que cogitar alguém sequestrar um avião e jogar num prédio pode parecer “normal” hoje, antes nem a pau. Mas sei lá, eu não tinha todos os relatórios que o filme mostra que o governo tinha.

A Armadilha de Guantánamo
A melhor qualidade que um documentário pode ter é mostrar vários pontos de vista sobre um mesmo tema. Assim, cada um conclui o que quiser ou for mais conveniente. Ao falar sobre a prisão de Guantánamo, o filme traz depoimentos de um ex-preso, de uma das responsáveis pelo “manual de interrogatório”, de um ex-militar que vazou informações de lá, de advogados e por aí vai. O que resta é um sentimento de raiva que se mistura com de impotência, já que no fundo a gente sabe que quem é realmente responsável por uma infindável quantidade de atrocidades nunca vai ser culpado.

Bastidores: Yakuza, a Máfia Japonesa
Meio bastantão, sabe? Aqueles programas do National Geographic que mostra o basicão do basicão. Tipo: “Ó, eles são muito perigosos”, “Wow, eles cortam um dedo para pedir perdão”. Nada que um texto no Wikipedia não fale.

BBB 12
Eu vejo, lembra? Mas tá no começo demais ainda para dar qualquer pitaco. Não dá pra odiar ninguém até agora. E vai ser difícil superar o momento da gordinha caindo com a fuça no chão três vezes seguida, como rolou ano passado. Ah, a gaúcha é beeeeem gatinha.

O Encantador de Cães
Meu novo programa favorito. Obviamente, graças a voltar a ter um cachorro em casa. Cesar Millan é meu novo ídolo.

GAMES

Battlefield 3
Assim como Fifa “disputa” com o PES, nos jogos de tiro a guerra é entre Battlefield e Call of Duty. Eu sempre fui muito mais fã deste último, mas nas novas versões, ambas lançadas ano passado, enquanto Battlefield parece que te coloca num ambiente novo, o novo MW3 dá a impressão de que mudou apenas os cenários, de resto é exatamente a mesma coisa. Independentemente disso, não consigo jogar nenhum deles online. Sempre tem algum piá de 13 anos do outro lado do mundo para me dar um tiro na cabeça antes mesmo que eu saiba onde estou.


2012 #1 – 01/08 de janeiro

janeiro 9, 2012

FILMES

O Jornal
É uma sequência de “mas”, mas vamos lá. O Jornal não é um graaande filme, mas é bacaninha. O Jornal exagera nos esterótipos e clichês (“Parem as máquinas”), mas ainda assim bem lá no fundo ele consegue retratar mais ou menos o clima do que é uma redação jornalística. Michael Keaton é exagerado no gestual e beira a canastrice, mas não consigo falar mal dele, vai ver culpa do Batman. Mais provável que seja do Beetlejuice.

TV

Californication – S05E01 – Pilot
Hank is back. Os mesmos melhores diálogos de sempre. O mesmo melhor clima de seriado de sempre. E aí que tá, eu sou fã do seriado, mas tenho medo que ele acabe sendo daqui para frente um mais do mesmo. Ok, um ótimo mais do mesmo, mas ainda assim mais do mesmo. Fechou tão bem o arco na quarta temporada que eu ainda tenho dúvidas se era pra série ter continuado. Veremos.

Two and a Half Men – S09E12 – One False Move, Zimbabwe!

Não sou da turma que “ó, estragaram a série”, ainda acho engraçada – sim, eu acho o Ashton Kutcher engraçado. Mas sei lá, o irmão do Walden era um gorila? Meio demais, não?

The Big Bang Theory – S05E11 – The Speckerman Recurrence

Tá, o Leonard sofria bulliyng de um grandão. Uh. Meio piloto automático, algumas tiradas boas como sempre, mas vai entrar pr´aquela lista de episódios que depois ninguém lembra muito bem.

New Girl – S01E08 – Bad in Bed
Só uma coisa que tenho a dizer: Zooey Deschanel + o lingerie da estrela do mar. Sem mais.

New Girl – S01E08 – The 23rd
Meno male que o seriado voltou a ser o que era no começo: bobinho e ingênuo, o que nesse caso é o que faz dele divertido. Pela primeira vez, ninguém pareceu muito deslocado no elenco.

Homens de Bem
Ó, taí a receita para ter coisa boa na televisão. É só juntar a capacidade de produção da Globo, o time da Casa de Cinema, um elenco bom, capitaneado pelo Rodrigo Santoro e a Débora Falabella e uma história interessante e ao mesmo tempo acessível para “o grande público”. Dá gosto de ver. Nota provinciana: é legal ficar identificando os cenários.

TRAILERS

War Horse 

Trailers que praticamente contam o filme. Foda-se. Direção do Spielberg, música do John Williams, história com bicho. Nas mãos de outro, é um filme do tipo “nem chegue perto”. Desse time, dá vontade de ver logo, mesmo desconfiando que role aquela engasgada no final.

The Dictator 
Tem mais cara de filme do que os outros, que, mesmo de forma escrachada, se faziam valer do formato documentário. Sacha Baron Cohen de ditador do oriente médio. Nenhuma chance de não ver no cinema, ainda que pareça mais pastelão. Presta atenção na última cena do trailer.

GAMES

Texas Hold´em

Comprei na Xbox Live. Mais simples impossível, jogo de pôquer sem nenhuma embromação, sempre a mesma musiquinha e tudo mais. Além de jogo simples, tem opção de torneios e uns outros desafios. Não interessa, é viciante. E isso jogando contra o computador. Nas tentativas de jogar online não apareceu ninguém.

MÚSICA

Paul McCartney c/ Stevie Wonder – Only Our Hearts

É o Paul. É o Stevie Wonder. É uma balada. Não tinha como dar errado. Parece que não deu.

Pearl Jam – Chinese
O diretor Cameron Crowe, que fez o PJ20, apresentou na rádio oficial da banda, uma demo de 1991, ano do Ten. No começo do vídeo tem ainda uma música que o guitarrista Mike McCready fez pra trilha de Compramos um Zoológico. Chinese é instrumental na real, com umas vozes dando uns grunhidos no fundo, tal e coisa. De fato, soaria meio deslocada no Ten (no máááááááximo tem uma vibe Oceans), mas é bacaninha. Mesmo sem o Eddie Vedder, tu saca de cara que é Pearl Jam.

NOTÍCIAS

Pink Floyd pode fazer show de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres

Seria a abertura de Olimpíada mais sonolenta da história dos Jogos. Menos mal que logo em seguida a notícia já foi desmentida. Pô, tem trocentos artistas britânicos mais legais pra colocar lá – e nem falo no Sir Paul ou nos Stones, pq sei que é pedir demais – como o U2 é irlandês, a organização não daria esse gostinho.

Fifa 13 pode ter suporte para Kinect
Chega logo outubro.

Divulgados os participantes do Big Brother Brasil 12
Sim, eu vejo BBB. O mais legal quando eles divulgam os participantes são as profissões de cada um. Acho que é uma das primeiras vezes que não tem nenhum(a) produtor(a) de eventos. Aham, sei que eventos. Se bem que tem empresária, né. Imagino o que ela empresaria. E essa Renata é dimóóóóóóóis.

Inter de Milão cogita Bruno Collaço. Milan pensa em Fábio Ferreira
( ) Meus parabéns aos empresários deles
( ) Hahahahahahahahahaha

Abbey Road é o vinil mais vendido de 2011.
Maias, vocês erraram. O mundo ainda tem salvação.

Reborn

janeiro 5, 2012

Eis que o site voltará. Anota aí.